5 Tecnologias que hoje são obsoletas

Hoje vou trazer uma lista que vai afetar a sua nostalgia.

Obs.: Algumas dessas tecnologias ainda são usadas, porém não com a mesma frequência de antigamente.

Discos (Disquete, CDs, DVDs e BluRay)

Parece que não, mas os “discos” que foram bastante utilizados até o início dos anos 2000, hoje raramente são usados, e estão cada vez mais sendo substituídos por outras frentes.

Foi assim na transição dos Disquetes para os CDs, depois para os DVDs e por último nos BluRays. Sendo que este último, tanto o Xbox quanto o PlayStation já mostraram que o futuro será mais digital e é uma questão de tempo até entrar em desuso.

Disquete

Fitas (Cassete e VHS)

Esses tipos de Fitas, que usavam uma tira magnética (similar ao Disquete), já foram usadas também na computação e nos jogos, para leitura e gravação de dados.

Porém com a evolução dos discos rígidos e consequentemente no valor, as fitas não eram mais necessárias na computação.

Fita “K7” e VHS

Internet Discada

Muito antes de chegarmos a Fibra Ótica e aos testes de 5G, o padrão mais usado no Brasil até o meio dos anos 2000 era a Internet Discada.

Basicamente era uma rede pública, onde através de um provedor e um número de telefone, o computador tinha acesso à internet. Após a popularização da Banda Larga, ela entrou rapidamente em desuso, e hoje o que lembramos dela é aquele barulho típico ao conectar.

Capas protetoras de Gabinete e Monitor

Com a popularização dos computadores domésticos, os vendedores também vendiam as famosas capas, para proteger o Monitor e o Gabinete (sendo que também existia para acessórios como teclado).

Essas capas, geralmente de plástico, eram bem simples e serviam para proteger do pó. Eu realmente não sei o motivo de entrarem em desuso, mas faz muitos anos que não vejo esses protetores no mercado de trabalho.

Capa para o computador e monitor

Mouse “com bolinha”

Ah esse aqui, o que podemos falar do clássico Mouse com bolinha? Hoje os mouses utilizam as mais diversas tecnologias, porém no passado era uma bolinha de borracha, que às vezes emperrava e às vezes por causa do pó ficava mais rígida (ai tínhamos que abrir o mouse e limpar).

E esse tipo de Mouse (geralmente com porta serial), quando ele quebrava, dava para gente abrir, retirar a bolinha e usar ela como brinquedo rs…

Mouse com bolinha

E você, conheceu todas essas tecnologias? Deixe nos comentários.

Referências (imagens usadas):

Bom pessoal, por hoje é só.

Abraços e até a próxima.

Dan Atilio (Daniel Atilio)
Especialista em Engenharia de Software pela FIB. Entusiasta de soluções Open Source. E blogueiro nas horas vagas.

2 Responses

  1. Jorge Orlando disse:

    Quanto comprar Cd, eu ia pra faculdade com um cd regravável, pra ir gravando os trabalhos, pendrive era novidade e isso era em 2004-2005.

Deixe uma resposta