Como administrar o seu Tempo

Como muitos me perguntam sobre como administrar o tempo, hoje vou mostrar algumas dicas de como eu aprendi, e como praticar.

Mensurar onde é gasto

Esse primeiro tópico, talvez seja o primordial para o sucesso da administração do tempo. Para você administrar algo, primeiro você precisa conhecer, e para conhecer, você precisa estudar.

Então, o primeiro ponto é se estudar, e estudar seus comportamentos. Tente em 1 semana, marcar tudo o que você faz, e quanto tempo você gasta com cada atividade, por exemplo:

  • Ver redes sociais – 15 minutos na parte da manhã
  • Ver tirinhas de comédia – 10 minutos na parte da manhã
  • Dirigir até o trabalho (apenas ida) – 15 minutos na parte da manhã

Vício em aplicativos

Você pode até pensar que 15 minutos de rede social na parte da manhã é tranquilo, mas imagina abrir as redes sociais 4 vezes por dia (antes do trabalho, no almoço, depois do trabalho e antes de dormir), só nisso pode ir cerca de 1 hora.

Bom, depois que você mensurar tudo, ai chegou a hora de fazer os totalizadores e enxergar onde estão os maiores gastos, como por exemplo:

  • Ver redes sociais – 1 hora por dia
  • Ver tirinhas de comédia – 30 minutos por dia
  • Dirigir até o trabalho (ida e volta, ida e volta) – 1 hora por dia

Tendo isso como base, iremos para o nosso próximo tópico.

Equilibrar o tempo

Todos os cenários existem inúmeras variáveis, porém existem coisas que não podemos mudar, como no exemplo acima, dirigir até o trabalho. Podemos tentar otimizar, procurando caminhos alternativos, ou até mesmo outros meios de locomoção (como metrô se a cidade tiver um).

Mas, existem coisas que podemos mudar drasticamente, por exemplo, ver redes sociais, isso é um vício, e que consome boa parte do nosso tempo sem percebermos, que tal criarmos uma regra, de vermos redes sociais apenas antes de determinado horário e/ou após outro determinado horário? E o mesmo se aplica a tirinhas de comédia ou outros pontos onde “perdemos” boa parte do nosso tempo.

Equilíbrio é a chave

Cada vida e foco é único, mas o que eu costumo fazer é separar a minha vida em 3 fatias: trabalho, família e eu. Comece tentando equilibrar as coisas, veja onde mais gasta tempo, e tente diminuir, e veja onde você gasta pouco tempo e gostaria de gastar mais (como passar um tempo com a família, passear com cachorro, praticar atividades físicas, etc).

Bons hábitos – Durma cedo, acorde cedo

Nosso dia a dia é muito corrido, e temos vários “vilões” querendo roubar o pouco tempo que nós temos. Então tente ao máximo ter bons hábitos quanto ao seu tempo. Um deles que posso ressaltar que para mim dá certo, é o de dormir cedo e acordar cedo.

Com exceção aos domingos (onde eu me dou o luxo de acordar um pouco mais tarde), eu tento sempre acordar 4h50 para começar um dia de trabalho, e sempre vou me deitar no máximo as 21h45 para otimizar o tempo que irei dormir.

Acordar bem é essencial

Dessa forma, eu poderia ir dormir mais tarde e acordar mais tarde, mas até o organismo entrar no eixo e ficar naquele “gás”, eu perderia cerca de 2 horas do dia, enquanto ao acordar cerca de 5h da manhã, eu consigo trabalhar até umas 6h pela Atilio Sistemas / Terminal de Informação, ainda praticar quase 1 hora de atividade física, antes de tomar um banho e ir para o segundo round do dia.

Além desse, existem outros bons hábitos, como por exemplo, se livrar das redes sociais, ou vícios que consomem tempo, como ver tabloides e notícias a cada 10 minutos. Ou como separar um tempo para limpar a caixa de entrada todo dia, ao invés de 1 vez por semana.

Enriqueça seu conhecimento

Existem diversos livros e materiais sobre administração do tempo, alguns são mais charlatões, rsrs… Porém outros são de extrema valia, e aqui eu deixo a indicação de dois livros que me ajudaram nessa jornada. O primeiro é A Tríade do Tempo do Christian Barbosa, onde é abordado os motivos das nossas “perdas” de tempo, e também o nosso objetivo e a reflexão sobre o que é a vida e como desejamos o nosso futuro. Nesse livro, o autor explica que nosso tempo é uma tríade, onde podemos equilibrar o que é importante, urgente e circunstancial na nossa vida.

Leia mais

O segundo livro é O Jeito Harvard de ser Feliz do Shawn Achor, onde com bom humor, é mostrado como a cobrança na nossa vida, e nossa obsessão em nos tornarmos os melhores, se realmente isso nos traz a felicidade, ou resumindo, como podemos ser mais felizes com o nosso tempo?

Além desses dois, tente gastar mais tempo enriquecendo seu conhecimento, não só sobre administração do tempo, encontre algo que goste e estude, aprimore seu intelecto e principalmente seja feliz fazendo o que gosta.

Separando e praticando

Acho que vou dar o meu exemplo, quando eu comecei a equilibrar meu tempo, deve ter uns 2 ou 3 anos já, no começo eu saí do Facebook, diminui o uso drasticamente do Twitter (hoje eu nem uso praticamente), e eu percebi que eu perdia muito tempo em sites como Não Intendo, Ah Negão, Não Mesmo, etc…

O que eu fiz foi, fazer algumas listas com o aplicativo Microsoft To-Do, com coisas que eu não gostaria de usar mais em x meses (uma delas era o Facebook), com coisas que eu iria escolher apenas 1 para usar por dia, e com um pouco intervalo de tempo (como foi o caso de sites de comédia), além de outras listas, como por exemplo, ficar com a família, diminuir trabalho, etc.

Pratique os ensinamentos

Após essas listas serem bem executadas, ai eu separei meu dia em cortes de tempo, e esses cortes são os seguintes (de segunda à sexta):

  • 04h50 às 5h00 – tomar café
  • 05h00 às 6h00 – trabalhar (Atilio Sistemas e Terminal de Informação)
  • 06h00 às 7h00 – cuidar da saúde (como treinar, correr, caminhar, etc)
  • 07h00 às 7h30 – me preparar e ir para o trabalho
  • 07h30 às 12h00 – trabalhar (CLT)
  • 12h00 às 13h30 – almoçar e curtir a família
  • 13h30 às 13h45 – voltar para o trabalho
  • 13h45 às 18h00 – trabalhar (CLT)
  • 18h00 às 18h15 – voltar para casa
  • 18h15 às 19h00 – tomar banho, jantar e curtir a família
  • 19h00 às 21h00 – trabalhar (Atilio Sistemas) / ir aos cultos (quando estava tendo os cultos presenciais da Congregação) / curtir a família
  • 21h00 às 22h00 – curtir a família, e estar na cama para dormir no máximo às 22h
  • 22h00 às 04h50 – dormir (quase 7h de descanso)

Claro que nem sempre dá para equilibrar tudo, e que existem exceções (acordar segunda às 4h50 é dureza até hoje rs), como dia que tem que ir ao mercado. E ninguém é um robô rs… mas basicamente jovens, é assim que eu equilibro o meu tempo, e espero que tenham gostado das dicas. Os fins de semana não detalhei acima, pois são muito variáveis.

Bom pessoal, por hoje é só.

Abraços e até a próxima.

Dan Atilio (Daniel Atilio)
Especialista em Engenharia de Software pela FIB. Entusiasta de soluções Open Source. E blogueiro nas horas vagas.

4 Responses

  1. Jacson disse:

    Ótimo Atílio. Obrigado pelas dicas

  2. Emerson Hitoshi Kurokawa disse:

    Parabens pela postagem, gostei muito. Abraço

Deixe uma resposta